Afasia: Significado, Sintomas e Tratamentos

AFASIA

Qual o Significado?

Afasia: (do grego ἀφασία, a+fasia,) é uma perturbação da formulação e compreensão da linguagem. Uma alteração da função da linguagem, depois de ter sido adquirida de maneira normal e não causada por dificuldade intelectual. Nem todas são não fluentes, ou seja, existem pacientes que apresentam um discurso fluente, sem pausas nem alterações sintáticas mas com paragramatismo.

Características das Afasias

Geralmente está relacionado a uma lesão ao lado esquerdo do cérebro em destros em áreas responsáveis pela compreensão da linguagem como a Área de Broca, Área de Wernicke, Giro supramarginal e Giro angular.

Caracteriza-se por dificuldade em se expressar verbalmente e compreender o que está sendo dito. Podem levar a um discurso vago ou vazio caracterizado por longos circunlóquios e pelo uso excessivo de referências indefinidas como “coisa” ou “aquilo”. Em alguns casos pode apresentar para um comprometimento grave da linguagem escrita e falada e da repetição da linguagem.

Causas das Afasias

Existem diversas possíveis causas, dentre elas:

  • Tumores cerebrais;
  • Lesão no Corpo caloso;
  • Acidente Vascular Cerebral AVC (ou derrame);
  • Doenças infecciosas (como a meningite);
  • Acidentes com traumatismo cranioencefálico;
  • Epilepsia;
  • Uso de anti-dopaminérgicos.

Sintomas das Afasias

Os principais sintomas da Afasia, podem ser percebidos pelo paciente, parentes ou pessoas próximas, sem nenhum treinamento formal, podendo se apresentar das seguintes formas: o paciente fala frases curtas ou incompletas, fala frases que não fazem sentido, troca uma palavra por outra ou troca fonemas por outros fonemas, essas trocas são conhecidas como parafasias semânticas ou fonéticas respectivamente, fala palavras incompreensíveis, não entende a conversa de outras pessoas, escreve frases que não fazem sentido.

Tipos de Afasias

Há vários tipos de afasia. A classificação faz-se através de provas de avaliação específica que avaliam normalmente a fluência do discurso, a capacidade de compreensão, repetição e nomeação. Estas alterações podem ocorrer ao nível fonético, sintático, semântico ou pragmático do processamento da linguagem. O clínico especialista na terapia com pacientes afásicos é o terapeuta da fala, ou fonoaudiólogo.

Segundo a neuropsicologia, distinguem-se dois grandes grupos de afasias, cada uma das suas variedades referindo-se a lesões cerebrais de localização precisa: o grupo das afasias de expressão e o grupo das afasias sensoriais ou de recepção.

Tratamentos das Afasias

O paciente deverá consultar com um neurologista, que posteriormente indicará a melhor terapêutica. Quanto mais rápido entrar em processo terapêutico, melhor será sua capacidade de recuperação das habilidades linguísticas.

A doença de base deve ser definida e tratada adequadamente o mais rápido possível. Caso o quadro de afasia apresente instalação aguda ou súbita o paciente deve procurar imediatamente um pronto socorro especializado, pois, a causa pode ser um acidente vascular cerebral (AVC). Os AVCs devem ser tratados o mais precoce possível, pois, isso aumenta as chances do paciente evoluir sem sequelas.

Após iniciar o tratamento das doenças de base, o tratamento para a afasia deve ser feito com programas de reabilitação de linguagem que tem como seu principal pilar a fonoterapia. Essa terapia envolve a prática de habilidades linguísticas e pode ensinar os pacientes a suprir deficiências com outras formas de s​e comunicar. Os membros da família frequentemente participam do processo de reabilitação, ajudando com a comunicação dos pacientes.

Outros Tratamentos

  • Grupo de apoio: Um fórum para terapia e troca de experiências entre pessoas com uma condição ou objetivo similar, como depressão ou perda de peso.
  • Reabilitação Neuropsicológica: Readaptação do raciocínio para melhorar o funcionamento físico e mental depois de uma doença ou lesão como, por exemplo, depois de uma pancada na cabeça (concussão).
  • Reabilitação após derrame: O paciente reaprende habilidades que foram perdidas durante o acidente, como andar e falar.
  • Terapia de grupo: Tipo de psicoterapia na qual o terapeuta trabalha com clientes em grupo, em vez de sessões individuais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *