Frutas: Famílias de frutas comestíveis

FRUTAS

Frutas não é uma termologia botânica como muitos pensam. Esse é o nome vulgar dado aos frutos e pseudofrutos comestíveis de sabor adocicado. Em contraponto, muitos entendem que os frutos não têm aspecto adocicado, o que não é verdade. Toda fruta é um fruto ou um pseudofruto.

Esse é um conceito existente em Português, sem correspondente em outras línguas, como o Inglês ou o Francês, e cuja definição não é precisa, mas em geral abarca os frutos e pseudofrutos comestíveis e de sabor adocicado.

Em razão do leve gosto adocicado do tomate, não é incomum que muitas pessoas o enquadrem como fruta, o que não está necessariamente errado. Vulgarmente este fruto é chamado de legume.

Frutos ou Legumes

Note que muitos frutos (do ponto de vista biológico) são considerados legumes no sentido culinário (por exemplo, tomate), e não aparecem neste artigo por essa razão. Por outro lado, existem algumas “frutas”, como o morango ou o ananás que não são frutos em termos biológicos.

Frutos de clima temperado

Os frutos de clima temperado são quase todos produzidos em árvores ou arbustos lenhosos ou lianas. Contudo, eles não se desenvolvem adequadamente nas regiões tropicais (de clima quente), precipitação atmosférica regular e temperatura média.

Como se percebe todas as plantas desse grupo são espécies que exigem para o seu crescimento normal e a sua posterior frutificação um clima tipicamente frio para um período de repouso fisiológico (repouso vegetativo) em que apresentam grande resistência ao frio. Os principais frutos de clima temperado são a ameixa, a ameixa-japonesa, a cereja-doce, o damasco, a framboesa, a maçã, a nogueira-europeia, a pêra, a uva-americana e a uva-europeia porque eles são amplamente cultivados e também consumidos globalmente, devido à sua enorme adaptabilidade.

Resumindo: são abaixo listadas famílias de “frutas” em acepção corrente e não na acepção de fruto, científica. A presente lista pretende enumerar as suas várias famílias, consideradas comestíveis em diversas partes do mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *